Como eu Venci a Ansiedade

Com esse hábito milenar asiático você só precisa de 5 minutos (e água quente) para relaxar profundamente e combater o DESÂNIMO e a ANSIEDADE...

Chá Levimune

Sim, isso pode até parecer loucura...
...ou alguma coisa de outro mundo.

Na verdade, quando eu descobri que só precisava de 5 minutos (e um pouco de água quente) para relaxar meu corpo, dar um tempo na ansiedade e garantir momentos agradavelmente suaves para mim, meu marido e meus filhos... eu quase não acreditei!

E digo isso porque, não sei você, mas a impressão que eu tenho é que a gente trabalha demais aqui no Brasil.

Trabalha até se esgotar.

E quando não está trabalhando, vem aquela sensação horrível de que estamos desperdiçando nosso tempo, as preocupações com o futuro, medo, medo e medo.

E parece que nada do que a gente faça consegue aliviar todo esse desânimo e cansaço.

Mas, para mim, o pior de tudo era sentir que meu dia havia sido desperdiçado, e que nada faria o dia de amanhã ser melhor... coisa comum para quem sofre de ansiedade.

E as crises de choro? Terríveis 😭

E eu pensava que todo mundo sofria disso... pelo menos até conhecer uma amiga Japonesa…  e descobrir que em 5 minutos eu podia aliviar a minha enxaqueca, e relaxar todo o meu corpo.

Só pra você ter uma ideia, uma amiga minha me contou que nunca viu um japonês, chinês ou coreano sequer reclamar de ansiedade, depressão, cansaço, enxaqueca…  ou dor em qualquer outra parte do corpo.

E eu esperava que pelo menos os orientais mais velhinhos reclamassem de dor.

Mas nem isso!  Uma série de reportagem do Fantástico mostrou que países como Japão, Coréia do Sul e China são os que menos sofrem com ansiedade...

Dá pra imaginar como é ter uma vida assim? Uma vida em que você acorda todos os dias cheio de energia e disposição? Pois é, no Japão as coisas funcionam assim.

Lá, as pessoas não têm uma vida limitada pela dor ou pelas angústias…

Os japoneses fazem todas as atividades do dia-a-dia sozinhos porque eles não sofrem com ansiedade, enxaqueca e depressão como nós brasileiros.

Eles conseguem trabalhar com mais tranquilidade e aproveitar a vida com mais alegria sem nem saber o que é uma “dor de cabeça”.

E foi justamente com eles que eu aprendi a livrar o meu corpo e minha mente de todas essas sensações ruins.

E hoje eu vou mostrar como você também pode aliviar o cansaço, o desânimo e a dor do seu corpo.

Você vai descobrir como olhar para o futuro e ter esperanças de que tudo sempre vai melhorar  para você e sua família.

Mas antes, deixa eu me apresentar melhor pra você..

Meu nome é Micheli Lampert

Sou fundadora do método Florescimento e Riqueza| Mentora de vida e negócios | Professante da Psicologia positiva| Mas, principalmente ajudo pessoas a florescer e gerar riqueza.

Com meus vídeos, aulas e cursos, impactei mais de 6 MILHÕES de pessoas, ajudando cada uma elas a encontrar mais equilíbrio na própria vida.

Meu objetivo é fazer com que cada pessoa descubra dentro de si mesma as ferramentas para curar a ansiedade, a depressão, o estresse e as dores no corpo.

A Ansiedade me consumia... e eu achava normal

Fosse por problemas financeiros, profissionais ou pessoais (quem tem filhos sabe como é).

O fato é que muitas foram as noites em que não consegui fechar os olhos pensando em como seria meu futuro, e de meus filhos.

Eu realmente sofria de ansiedade e não sabia disso.

E, sem perceber, eu recorria há algo que minha avó havia me ensinado na infância para me acalmar, consegue imaginar o que era?

Sim, uma xícara de CHÁ!

Com o tempo passei a me dar conta que isso não só me acalmava, mas confortava também meus filhos...

Isso mesmo, por me verem tomando um chá à noite eles passaram a pedir alguns goles que, com o tempo se transformaram em uma xícara para cada um.

E, vendo isso, eu passei a estudar cada vez mais sobre quais folhas, talos ou flores eram mais recomendados para cada momento do dia...

Despretenciosamente nascia o projeto Levimune.

E dei esse nome porque uma xícara de chá traz consigo uma sabedoria milenar que eleva nosso espírito enquanto nutre nosso corpo...

...pouquíssimos alimentos possuem esse poder

Desvendando a Milenar Técnica Asiática

E é por isso que hoje eu estou aqui.

Para mostrar pra você uma técnica milenar que consegue relaxar seu corpo e sua mente. Para que você não fique igual a alguns amigos que eu tenho…

Amigos que estão super novos, nos seus 20 e 30 anos, mas que reclamam constantemente de dores nas costas, na lombar, no pescoço e quase não têm flexibilidade no corpo.

Tudo isso causado pelo estresse e horas e horas trabalhando com a postura errada.

Amigos aqui do Brasil que são completamente o oposto da minha amiga japonesa…

Mas será que essa diferença entre brasileiros e japoneses é por causa da genética?

Eu descobri que não!

Minha amiga, que aliás se chama Shinobu Takeushi, me contou que no Japão e na China é muito comum as pessoas "tirarem" um tempo durante o dia para se encontrarem em praças para a prática de um tipo de dança - chamada de tai chi chuan.

Numa dessas práticas ela própria conheceu um mestre chinês de 89 anos.

O mestre Dalong parecia que tinha 20 anos: ele plantava bananeira, corria com muita velocidade, saltava, fazia apoios e até barra. Não tinha nada que aquele senhor não conseguisse fazer.

Olha, ele com certeza deixaria para trás muitos meninos de 20 anos.

Incrível, não é? Algum tempo depois eu descobri que toda essa performance do mestre Dalong tinha um “segredo” por trás…

…ele consome duas xícaras de chá de uma mistura de ervas todos os dias!

E era graças a essa técnica que ele tinha tanta disposição, saúde e flexibilidade. Depois que eu soube disso, eu resolvi me aprofundar nesse assunto e estudar ainda mais.

homem idoso chinês

Claro que não estou dizendo que é o consumo habitual de chás que faz milagres...

Mas o chá é o alimento mais consumido no mundo. Sim, ALIMENTO, pois apesar de ser uma bebida, possui tantos nutrientes que pode até substituir uma refeição - embora não seja recomendado por conter ZERO calorias.

Voltando ao senhor Dalong, eu fiquei muito impressionada com sua disposição, mas minha amiga me contou que é muito comum essa vitalidade entre os idosos orientais...

Quando ela me contou isso eu realmente me dei conta que existia algo na cultura asiática que nós nunca valorizamos aqui:

Os asiáticos valorizam os pequenos momentos da vida!

Mais que isso, eles sabem que é nesses momentos que nos conectamos com nossa natureza e repomos nossa energia.

E o que está presente em todos esses momentos?

Eles sempre incluem uma xícara de chá!

E é graças a essa arte milenar do chá que os chineses, japoneses, indianos, coreanos... são mais produtivos que nós, ocidentais, e ainda conseguem ter muito menos problemas de estresse e ansiedade.

Veja o que diz essa reportagem abaixo:

taxa de ansiedade do brasileiro

Basta você fazer uma pesquisa simples na internet para descobrir que estou falando a verdade:

O Brasil é o país com a maior taxa de pessoas que sofrem com transtornos de Ansiedade no mundo todo...

E isso só tende a se agravar com a vida moderna nos exigindo cada vez mais, e com a pandemia que só agravou tudo.

A cultura ocidental nos cobra tanta produtividade quanto a cultura oriental, porém não nos é permitido parar em meio ao dia para recuperar nossas energias...

Você já havia se dado conta disso?

Quantos momentos em família ou de lazer você já perdeu por estar "sempre atrasada" com suas tarefas?

E, se como eu, você também for mãe, sair do trabalho e chegar em casa não é sinônimo de descanso, muito pelo contrário:

A dupla jornada de trabalho faz as mulheres trabalharem 3,1 horas a mais que homens no Brasil, de acordo com o Jornal Valor Econômico:

dupla jornada de trabalho

Depois que eu soube disso, eu resolvi me aprofundar nos estudos sobre chás, afinal de contas, eu alimentava minha família, em especial meus filhos - crianças, com isso, e precisava saber se estava dando a eles algo saudável de verdade.

Alguns Benefícios do Consumo diário de 2 xícaras de Chá

Nas minhas pesquisas eu aprendi que beber chás diariamente tem o poder de revigorar e regenerar o corpo e a mente. E como não existe contraindicação, qualquer pessoa de qualquer idade pode (e deve) adquirir esse hábito. O melhor de tudo é que depois eu você adquirir esse hábito você poderá:

Da minha experiência em ajudar pessoas como consultora, eu posso te afirmar uma coisa:

Consumir chás é o tipo de hábito ideal pra quem quer envelhecer com qualidade, tanto física como mental. E, claro, é perfeita pra quem quer aliviar a angústia que a ansiedade traz.

Tanto é que a hora do chá é uma prática bem comum em todo o Oriente, e por isso lá as pessoas têm as menores taxas de ansiedade do mundo.

Dá uma olhada nas fotos abaixo:

Elas são de Gao Lin de 93 anos e Zhenshan de 84 anos, ambos da China como o mestre Dalong.

Senhor Chinês de 93 Anos
Senhor Chinês de 84 Anos

E não é só na China que você encontra pessoas que a idade é apenas um número, na Índia é comum se deparar com cenas como essas aqui frequentemente.

Senhor indiano de 87 anos
Senhora indiana de 103 anos
Senhor Chinês de 60 Anos
Senhora indiana de 98 anos

Impressionante não é?

Pensando nisso, eu resolvi ter como meta de vida inspirar pessoas a cultivarem hábitos saudáveis, de modo que atinjam o equilíbrio perfeito entre corpo e mente e, assim, vivam uma vida mais plena, saudável e próspera.

E como? Divulgando o que aprendi estudando profundamente os hábitos das pessoas orientais (principalmente na Índia e na China) sobre o consumo de chás.

E quando eu comecei a divulgar essa arte milenar entre minhas amigas, vi que muitas delas tiveram a sua vida transformada

Antes de começarem a tornar o consumo de chás um hábito, elas reclamavam bastante de enxaqueca e desânimo. Após alguns dias bebendo apenas duas xícaras do meu chá por dia, elas já se sentiam muito bem e começaram a se sentir muito mais ativas durante o dia.

Inclusive seu humor e otimismo melhoraram muito.

Eles conseguiram “relaxar mais” porque não sentiam mais tanta ansiedade! Ao mesmo tempo, enquanto eu ajudava algumas amigas com minhas descobertas, eu percebi que muitas pessoas no Instagram e no YouTube se queixavam dos mesmos sintomas.

E eu queria ajudar o máximo de pessoas que eu conseguisse… Então, foi aí que uma amiga me sugeriu:

  • Por que você não monta suas misturas de chás e os oferece para mais pessoas terem acesso?

Disso, surgiu minha missão de vida - minha e das pessoas que me ajudam:

Nos importamos com as pessoas. Acreditamos que cada indivíduo carregue consigo o potencial para mudar o mundo. Mas, isso só é possível quando existe harmonia entre ação e pensamento. Ou seja, entre corpo e mente.

Para isso, manter a saúde através de hábitos saudáveis, que nos conecte com a (nossa) natureza é fundamental. E uma forma de se conseguir isso é através de um hábito milenar como o consumo de chás.

É aí que nossa empresa entra. Criamos blends de chás pensando no equilíbrio entre a saúde do corpo e da mente. Nossos chás elevam o espírito e alimentam o corpo trazendo força e aconchego para pessoas que acreditam que podem mais.

Você gostaria de fazer parte disso e conhecer nosso chá Levimune?

Eu preparei com muito carinho e dedicação um blend (mistura) juntando os melhores talos, folhas e flores, na proporção exata. Para que nenhuma pessoa sofresse mais com enxaqueca, cansaço ou ansiedade.

e como eles já estão mudando a vida de milhares de pessoas...

Embalagem Levimune